12 Provérbios persas relacionados com animais

30/05/2019


A língua persa é repleta de provérbios e jogos de palavras, por isso é uma necessidade conhecer essas expressões idiomáticas para entender completamente essa língua. O mais interessante é que os iranianos adoram usar esses provérbios em suas conversas cotidianas e muitos desses estão relacionados com animais. Existem milhares de provérbios com este tema, o que vale uma bela pesquisa, mas por enquanto vamos conhecer alguns dos mais comuns:

1) Divâr mush dâreh, mush ham gush dâreh 

دیور موش داره موش هم گوش داره


Literalmente: "As paredes têm ratos e os ratos têm orelhas."

Significado: devemos ter muito cuidado com o que falamos mesmo entre quatro paredes, quando achamos que ninguém pode nos ouvir.

Em português, o equivalente seria "matos têm olhos e as paredes têm ouvidos”.

2) Dustiye khâleh kherse
دوستی خاله خرسه


Literalmente: "Amizade da tia ursa"

Significado: Esta expressão vem de uma parábola persa sobre um homem e um urso que se tornam melhores amigos. Um dia, o homem está dormindo quando uma mosca pousa em sua face, perturbando sua paz. O urso, querendo proteger seu amigo, pega uma pedra e joga na cabeça do homem para matar as moscas. Sem querer, ele acaba matando o homem também.
A moral da história  é:  às vezes queremos  ajudar alguém com a melhor das intenções, mas acabamos fazendo mais mal a essa pessoa.

Em nosso idioma também temos o equivalente "amigo urso".

3) Kine Shotori [dâshtan]
کینه شتری


Literalmente: "(guardar) um rancor de camelo"

Significado: Os camelos geralmente são criaturas muito dóceis. Mas você sabia que eles também são capazes de guardar rancor e até mesmo buscar vingança! Então, quando alguém guarda rancor, em persa, diz-se que guarda rancor como um camelo.


4) Filesh yâde hendustân kardeh

فیلش یادهندوستان کرده


Literalmente: "Seu elefante lembra a Índia."

Significado: Quando alguém tem um sentimento nostálgico sobre sua terra natal. Um iraniano diz esta expressão quando está em outro país ou cidade e ali encontra alguma coisa que faz lembrá-lo do país, cidade ou vilarejo onde nasceu.


5) Sage zard barâdare shoghâleh

سگ زرد برادره شغال است




Literalmente: "O cachorro amarelo é o irmão do chacal."

Significado: Era uma vez em uma aldeia, um chacal tão travesso que os aldeões acabaram por bani-lo. Sabendo o quanto eles gostavam de cachorros, o chacal decide se pintar de amarelo e voltar, desta vez, causando problemas em segredo. Por se assemelhar ao chacal, os aldeões o chamam de “o irmão do chacal”. Um dia, a chuva lava a tinta amarela do pequeno malandro, e sua verdadeira identidade é revelada. Os aldeões descobrem que o “irmão do chacal” é, na verdade, o próprio chacal.

O cachorro amarelo simboliza uma pessoa má e o chacal é alguém ainda pior. Quando duas pessoas são igualmente ruins, não se engane pensando que uma delas pode ser um pouco melhor. Afinal, o cachorro amarelo é o irmão do chacal.


6) Eng ar az damâghe fil oftâdeh
انگار از دماغ فیل افتاده


Literalmente: "É como se ele tivesse caído do nariz do elefante."

Signficado: Quando uma pessoa é muito orgulhosa ou metida a importante.

7) Shotor didi nadidi
شتر دیدی ندیدی


Literalmente: "Você viu um camelo,  não viu"

Significado: É o equivalente a dizer "Não vi nada, não sei de nada"

Provavelmente essa expressão tem como origem um conto tradicional que vou resumir aqui: 

O poeta Saadi atravessou o deserto e precisava desesperadamente de descanso. Ao encontrar pegadas de um camelo ele decide segui-las porque tem certeza de que elas o levariam a um bom local de descanso. Enquanto  segue as pegadas, ele se depara com um gramado e percebe que apenas a grama do lado esquerdo do caminho foi comida enquanto a do lado direito está intacta. Então, ele conclui que o camelo deveria ser cego do olho direito e, portanto, não podia ver a grama deste lado. 

À distância caminhando em direção a ele, vem o homem que perdeu o camelo e pergunta se ele o viu.

“Era cego de um olho?”, Pergunta Saadi. "Sim! Por favor, diga-me onde está meu camelo, ”o homem pede. "Não vi", responde Saadi.

Achando que estava sendo vítima de um gracejo, o dono do camelo começa a bater em Saadi. Nesse momento o camelo retorna e o homem pede desculpas.  E o pobre Saadi chega a conclusão que ele deveria ter dito desde o começo  que não viu nenhum camelo.

8) Morghe hamsâyeh ghâzeh

مرغ همسایه غاز است


Literalmente: "A galinha do vizinho é um ganso."

Signifcado: é o mesmo que dizer "a grama do vizinho é sempre mais verde".


9) Shir tu shir ou khar tu khar
شیر تو شیر


Literalmente: "Leão em leão" ou "burro em burro" 

Significado: Por exemplo,  quando você está em um transito caótico, é como dizer que tem "um burro dirigindo outro burro". (“Leão em leão” é a versão mais educada.)

10) Gorbeh shu kardan

غربه شو کردن


Literalmente: "Lavagem de gatos"

Significado: Quando você não lava algo bem o suficiente para limpá-lo, dizemos que você "lava como um gato". Também se diz quando alguém toma um banho muito depressa, o que costumamos chamar de "um banho de gato". 



11) Khoshbakht ânke kore khar âmad, olâgh raft

خوشبخت ان که کره خر آمد آلاغ رفت

 

Literalmente: "Sorte daquele que veio como um asno e morreu como uma mula."

Significado: em alguns casos, a ignorância é uma benção! 


12) Kâre hazrat fileh!
کارحضرت فیل است


Literalmente:"É um trabalho para sua excelência o elefante!"

Significado: É o mesmo que dizer "isso é osso duro de roer". Os elefantes são considerados animais inteligentes, ou seja, quando uma tarefa é muito  difícil você tem que ser tão esperto quanto um elefante para resolvê-la. 

Você conhece outras expressões  idiomáticas curiosas com animais? Deixe um comentário!

(Adaptado de My Persian Corner)

Nenhum comentário:

Postar um comentário